segunda-feira, 20 de julho de 2015

[Aquisições] Collection Haul 2015 – Parte 6


Estou de volta com mais uma postagem da série “Collection Haul”! Foram dois meses de hiato por aqui, por causa da rotina de trabalho, mas agora com as férias, vou tentar atualizar o blog com o máximo possível de postagens. Bom, hoje venho compartilhar mais algumas aquisições. Os itens dessa parte da coleção são, na maioria, da minha lista de desejos. Alguns estavam nela há bastante tempo, conforme detalharei mais abaixo. Outros foram inseridos mais recentemente. A lista abaixo corresponde a títulos comprados que chegaram entre o final de abril e início de maio. Eles estão organizados por ordem de chegada.

1.   Vicent – A história de Vincent van Gogh ~ Barbara Stok (L&PM Editores) QUADRINHOS
2.   As Irmãs Makioka ~ Jun’ichiro Tanizaki / Trad. Leiko Gotoda (Estação Liberdade) LIVRO
3.   Apresentação da Poesia Brasileira ~ Manuel Bandeira (Cosac Naify) LIVRO
4.   Cartas Extraordinárias – a correspondência inesquecível de pessoas notáveis ~ Shaun Usher (org.) / Trad. Hildegard Feist (Companhia das Letras) LIVRO
5.   Gregório de Matos – Poemas atribuídos Códice Asensio-Cunha – Vol. 1 ~ Edição e estudo: João Aldolfo Hansen e Marcelo Moreira (Autêntica) LIVRO
6.   Agatha Christie – Box 3 [O Mistério dos Sete Relógios / Os Crimes ABC / Os Trabalhos de Hércules] ~ Agatha Christie (Nova Fronteira) BOX DE LIVROS
7.   Gregório de Matos – Poemas atribuídos Códice Asensio-Cunha – Vol. 2 ~ Edição e estudo: João Aldolfo Hansen e Marcelo Moreira (Autêntica) LIVRO
8.   Agatha Christie – Box 4 [A Maldição do Espelho / Cem Gramas de Centeio / Nêmesis] ~ Agatha Christie (Nova Fronteira) BOX DE LIVROS
9.   A Luz no Susbsolo ~ Lúcio Cardoso (Civilização Brasileira) LIVRO
10.         1001 Livros para Ler Antes de Morrer ~ Peter Boxall (Sextante) LIVRO
11.         Marília de Dirceu ~ Tomás Antonio Gonzaga (Vila Rica) LIVRO
12.         Coleção Gen, Pés Descalços vol. #01 ao #07 ~ Keiji Nakazawa (Conrad) MANGÁS
13.         A Series of Unfortunate Events – The Complete Wreck vol. #01 ao #13 ~ Lemony Snicket  BOX DE LIVROS
14.         Laços de Família ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
15.         A Maçã no Escuro ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
16.         A Legião Estrangeira ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
17.         A Paixão Segundo G.H ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
18.         A Via Crucis do Corpo ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
19.         Felicidade Clandestina ~ Clarice Lispector (Rocco) LIVRO
20.         Grande Sertão Verendas GRAPHIC NOVEL
21.         Os 80 Anos do Pato Donald ~ Por seus principais artistas (Editora Abril)  QUADRINHOS
22.         Homem de Ferro #5 ~ Coleção “Os Heróis Mais Poderosos da Marvel” (Salvat) GRAPHIC NOVEL
23.         Green Blood #01 ~ Masasumi Kakizaki (JBC) MANGÁ
24.         Viúva-Negra #6 ~ Coleção “Os Heróis Mais Poderosos da Marvel” (Salvat) GRAPHIC NOVEL
25.         Dragon Ball #36 ~ Akira Toriyama (Panini) MANGÁ

“Vicent” é o primeiro quadrinho dessa lista que adquiri pra dar de presente ao meu marido. O livro tem 144 páginas totalmente coloridas. O estilo de Barbara Stok é simples e divertido. Gostei da forma como ela utilizou as cores para compor as cenas.





“As Irmãs Makioka” de Jun’ichiro Tanizaki é um dos muitos livros da Estação Liberdade (catálogo referente à literatura japonesa) que pretendo ter e ler. Muitos dos títulos dessa editora têm um preço “salgado” e este é um deles. Num belo dia, a Amazon resolveu baixar o preço dele quase que pela metade e eu não resisti. A propósito, ele é um dos “100 Livros Essenciais da Literatura Mundial”, lista proposta pela Revista Bravo!.












“Apresentação da Poesia Brasileira” de Manuel Bandeira é um excelente material para quem pretende adentrar no universo poético da literatura nacional. O livro está organizado basicamente em duas partes.  Na primeira, Bandeira apresenta um ensaio panorâmico da poesia produzida no país desde José de Anchieta até os concretistas. E na segunda, reúne em uma antologia 125 poemas de 55 poetas. A edição da Cosac Naify é soberba: tem capa dura e fita marcadora. O livro tem 504 páginas e contém além de uma seleção iconográfica (frontispícios, capas de livros, caricaturas, retratos etc.) da Biblioteca de José Mindlin, um posfácio escrito por Otto Maria Carpeaux.









“Cartas Extraordinárias”, como o próprio título diz, traz “a correspondência inesquecível de pessoas notáveis”. Organizado por Shaun Usher e traduzido por Hildegard Feist o livro tem páginas e é recheado de cartas incríveis. O livro contém cartas de personalidades como Albert Einstein, Charles Darwin, Charles Dickens, Charles M. Schulz, Elvis Presley, Emily Dickinson, Fiódor Dostoiévski, Leonardo da Vinci, Louis Armstrong, Mark Twain, Oscar Wilde, Roald Dahl, Virginia Woolf dentre outros. 

A coletânea traz 125 cartas com reprodução da maior parte dos fac-símiles das correspondências e sua transcrição traduzida além de uma breve contextualização para cada missiva feita pelo organizador. O livro é ainda ricamente ilustrado com fotografias e documentos. Publicada pela Companhia das Letras, a edição é em formato grande e tem 368 páginas.










Descobri recentemente essa coleção de livros sobre a poesia de Gregório de Matos publicada pela Autêntica e resolvi adquirir. São cinco volumes no total com edição e estudo feitos por João Adolfo Hansen e Marcello Moreira. Esses dois primeiros volumes trazem o conjunto de poemas coletados no Códice Asensio-Cunha que circulavam em Salvador – últimas decádas do séc. XVII e primeira metade do séc. XVII – sob o nome de “Gregório de Matos e Guerra”, isto é a produção poética atribuída ao poeta. Os livros são em capa dura, contêm sobre capa e fita marcadora. O primeiro volume contém 544 páginas e o segundo, 400.







No final de março, a editora Nova Fronteira lançou mais duas caixas da coleção Agatha Christie e eu quase enfartei (bricadeira). Comprei as duas caixas. Infelizmente, o meu volume “Nemesis” veio com uma falha horrível na capa que eu só vim notar agora com praticamente um mês que recebi as caixas. Por conta disso, nem solicitei a troca. Mas já comprei um exemplar avulso para substituir o avariado. O livro novo já chegou e o outro, eu o doei. 

Os livros das caixas são: Box 3: “O Mistério dos Sete Relógios”,  “Os Crimes ABC” e “Os Trabalhos de Hércules”; Box 4: “A Maldição do Espelho”,  “Cem Gramas de Centeio” e “Nêmesis”. Eu mostrarei essas duas caixas detalhadamente em outra postagem, pois são muitas fotos.









Acho que eu não sou a primeira que chega até a obra de Lúcio Cardoso através de Clarice Lispector. Não conhecia “A Luz no Susbsolo” até assistir a uma “vídeo-resenha” e me interessar pela obra a partir da sinopse. A edição da editora Civilização Brasileira é de 2003 e é bem simples: capa mole (com orelhas) e um total de 368 páginas. Recentemente, adquiri também outra obra do autor que está há mais de uma década em minha lista de leitura: “Crônica da Casa Assassinada”. Em breve, lerei as duas.







“1001 Livros para Ler Antes de Morrer” de Peter Boxall é mais um dos livros adquiridos por causa dos meus projetos de leitura. Mas não é só. O livro é uma excelente referência literária. Além da lista proposta, cada livro sugerido é acompanhado de uma resenha escrita por um dos mais de 100 colaboradores. O livro, que contém 960 páginas, é totalmente colorido, tem capa em papel cartonado (com orelhas) e miolo em papel couché, além de ricamente ilustrado.





“Marília de Dirceu” de Tomás Antônio Gonzaga é a segunda edição do bicentenário (1792 – 1992) de publicação da obra. O livro, publicado pela editora Vila Rica é uma edição crítica que contém uma cronologia da vida e obra do autor, prefácio e notas de Melânia Silva de Aguiar.  A edição é em formato grande e tem capa mole e 259 páginas.



Há uns dois anos, adquiri a versão para Kindle dos quatro primeiros volumes de “Hadashi no Gen” (はだしのゲン) em inglês. Mal comecei a leitura do primeiro volume, decidi que compraria a coleção em português (Gen – Pés Descalços) publicada pela Conrad. O tempo foi passando e fui deixando pra depois, pra depois... Até que, quando decidi comprar os sete volumes já publicados, me deparei com o seguinte problema: alguns deles já estavam esgotados na própria editora. 

O jeito foi recorrer a exemplares vendidos por colecionadores. Encontrei uma coleção a um preço bacana com os sete volumes, sendo que três deles ainda estavam no plástico. Agora é torcer para que a Conrad lance os volumes que faltam. O oitavo teve seu lançamento neste mês de julho! A previsão da editora é que os demais volumes saiam em breve.





“A Series of Unfortunate Events – The Complete Wreck” é outra obra que planejava adquirir há algum tempo, mas fui protelando. Cheguei até a cogitar a compra da edição brasileira, mas o preço não é nada atrativo. Além disso, em comparação com a edição original, a brasileira perde: a caixa é mais simples e os livros são do tipo capa mole. A caixa da edição em inglês estava numa promoção na Amazon brasileira custando uns duzentos reais (com frete grátis!). Não pensei duas vezes e comprei. Chegou tudo em perfeito estado: a caixa e os livros vieram impecáveis. Mais um pontinho para Amazon!









Quero completar logo a minha coleção de livros da Clarice Lispector. As edições não são especiais, mas necessito ter os livros dela ao meu alcance! Comprei os seguintes títulos: “Laços de Família”, “A Maçã no Escuro”, “A Legião Estrangeira”, “A Paixão Segundo G.H”, “A Via Crucis do Corpo” e “Felicidade Clandestina”. A maioria dessas obras será relida em breve.









Quando vi essa graphic novel de “Grande Sertão Veredas” lançada no final do ano passado pela Biblioteca Azul, endoidei. Mas foi só ver o preço (R$ 200,00) para eu desanimar completamente. Apesar de ser uma edição limitada e numerada (7 mil exemplares), achei o preço um tanto quanto exagerado. E não pensava em adquiri-la até ver que o livro estava em promoção na Livraria Cultura. Comprei!

Contudo, para minha decepcção, o livro chegou com danos na luva (vermelha de PVC) por causa do transporte. Entrei em contato com a Livraria para efetuar a troca, que prontamente me atendeu e se dispôs a recolher o meu exemplar e me enviar outro tão logo eu entrasse em contato novamente com eles, para acertar os detalhes. Mas eu tive um mês tão difícil que o tempo foi passando, passando e nem mesmo isso eu consegui fazer.  Fiquei com essa edição mesmo. A arte é de Rodrigo Rosa, o livro é em formato grande com a lombada propositalmente descolada do miolo com a cola e a costura visível, e tem 180 páginas totalmente coloridas!












No post anterior de aquisições, eu falei que havíamos comprado três dos cinco volumes de quadrinhos de luxo da Disney lançados pela Editora Abril: “Os 80 Anos do Pato Donald”. A edição reúne em 480 páginas 26 histórias desenhadas por 15 artistas. Pato Donald é um dos meus favoritos!







Continuando a coleção “Os Heróis Mais Poderosos da Marvel” da Salvat, chegaram “Homem de Ferro” e “Viúva-Negra. Essa capa da edição da “Viúva-Negra” é muito bonita! E faz jus ao conteúdo. Recentemente li, além dela, a edição do Wolverine. As duas com histórias muito boas!











“Green Blood” é um mangá de Masasumi Kakizaki publicado neste ano pela JBC (completo em cinco volumes). O primeiro volume tem cerca de 190 páginas, sendo 06 coloridas. Já adquirimos os outros volumes. Mostrarei a coleção completa depois.












Por fim, mais um volume de Dragon Ball: a edição de n.º 36. Já tenho até o volume 38 (os demais aparecerão por aqui) e logo, logo recebo o volume 39. Essa coleção de Dragon Ball está chegando ao fim, mas já engatei outra: fiz assinatura de Naruto Gold! Eu achei que teria que comprar a coleção inteira de Naruto em japonês, mas agora que a Panini está relançando, vou adquirir a versão em Português mesmo!

E voltando a Dragon Ball, estou super feliz com volta do anime. Dragon Ball Super já me conquistou e meu desejo de ter a figure do Bills (Beerus / Birusu) só aumenta! Junto talvez compre também a do Whis (Uisu) Preciso de mais essas na minha coleção!



Ufa! Terminado! Até a próxima!

Nana

2 comentários:

  1. Quanta coisa boa! Pena que a luva do "Grande Sertão: Veredas" veio danificada, a arte é boa? Gostei bastante da embalagem de "Desventuras em Série".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Uma pena mesmo. Mas ainda bem que não é no livro em si. A arte é fantástica! Eu ia inserir umas fotos da parte interna do livro, mas deixei de colocar devido ao tamanho da postagem que já estava grande. Mas eu vou colocar mais fotos do livro ainda aqui no blog, se der nesta semana.
      Realmente essa caixa de "Desventuras em Série" é muito bacana. E os livros também tem capas bem legais!

      Excluir

コメントをありがとう! Obrigada pelo comentário!