quarta-feira, 30 de julho de 2014

[思い出 ♥ 2014] 1º semestre de 2014 em fotos



Escolhi para esse post algumas fotos que ficaram de fora das outras postagens para falar sobre o primeiro semestre deste ano. Obviamente não são todas, mas tentei escolher as mais representativas. Esse foi um semestre realmente conturbado, mas acho que a partir de agosto a rotina vai se equilibrar um pouco mais. Vamos às fotos...

Chatran tomando leite

Shiro olhando pela janela

Shiro se perguntando..."a mãe 'tá' tirando foto minha de novo?"

Brinquedinho novo que ganhei dele ♥ para jogar no PC

Chatran ignora Goku

Gandalf encara Goku

Puru (Shiro) diz: "se eu entro, eu caibo"

Puru (Shiro): "nheeeee"

Nuvens conspirando para chover

"Tentativa" de arco-íris

Arco-íris indo embora

Coleção de Sandman + Death completa
Lôlo (Chatran) tirando um cochilo com o Shaka

Em memória ao meu bebê falecido: Belmont

Gandalf com preguiça

Shaka dorminhoco

Certificado JLPT (editado) - Fui aprovada no N5 \o/

Relatório com minha pontuação (editado)

Essa fofa nos visita todos os dias

Alucard já recuperado

Alucard tirando uma soneca

Patinha do Alucard

Ele adora um colinho

Meu bebê caçula (Alucard) ♥

"Lindo da mamãe!"

Puru (Shiro) e Shaka

Mais material de estudo (Kanji)

Meus últimos mangás comprados de DB

Meu primogênito atual

Conjunto de bonequinhas japonesas que ganhei de presente da minha mana

かわいい。。。♥

6 comentários:

  1. Toda vez que eu entro no teu blog eu fico babando!
    As fotografias, o conteúdo, a literatura e os games, tudo aquilo que eu sempre tive vontade de fazer e morro de preguiça - risos -. Imagino o trabalhão que dá, mas ao mesmo tempo da uma sensação deliciosa ao ler as postagens e ver todas as fotos/imagens!

    Me tira uma dúvida? Estou afim de iniciar meus estudos na Língua Japonesa, e não sei por onde dar início ao "Self Study", poderia me recomendar algo? ou alguma bibliografia?
    Gosto bastante de Literatura Japonesa, e não estou me aguentando só com as poucas traduções que temos aqui no Brasil.

    Ps:Já leu alguma obra do Yasunari Kawabata? (Meu autor favorito!) Comecei por "A Dançarina de Izu" e desde então não parei mais, adoro a delicadeza das palavras utilizadas pelo Kawabata.

    Abraços!
    Jon

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Jon!
      Fico feliz que tenhas gostado do meu blog e, principalmente, do conteúdo que publico nele. De fato, me dá bastante trabalho. Não pela escrita – essa é a parte mais simples para mim, mas pela edição das imagens.

      Sobre iniciar teus estudos em língua japonesa: antes de qualquer coisa, aprendas os silabários hiragana e katakana (além desse sistema de escrita a língua japonesa utiliza o kanji). Por quê? Para que tu possas começar a estudar o idioma com materiais que utilizam a língua nativa mesmo. Não é bom começar com materiais que usam o romaji (romanização de palavras em japonês). Digo isso por experiência própria: tu te apegas a essa forma de escrita (que não é língua japonesa) e fica muito dependente, e isso dificulta a aquisição de autonomia na leitura do idioma.

      Eu não sou muito boa de memória. Passei mais tempo do que o necessário para aprender os dois “alfabetos”. Utilizei o seguinte livro: “Kana para recordar” (em espanhol) de J Heisig, M Bernabe. Mas não foi só ele, eu aproveitei todo material sobre hiragana e katakana que encontrava disponível na internet. Depois para reforçar busquei vários joguinhos (um deles está postado no blog). A parte de escrita só com prática mesmo. Tens que pegar um caderninho e começar a praticar.

      Quando comecei a frequentar um curso (depois de quatro anos estudando sozinha), usei o seguinte material: Novo Curso Básico de Japonês (Aliança Cultural) de Neida Kokubo. Ao todo são seis volumes. Depois, comprei o material mais atual o “Progressivo” (プログレッシブ): Curso Básico de Japonês – Lica Hashimoto, Akiko Kurihara, Yuka Sugimoto e Mitie Neucy Matsubara (seis volumes também) que vem com CD’s de áudio. Depois passei para o Minna no Nihongo I. Esse é todo em japonês. É um dos melhores para estudar língua japonesa. Se tiveres facilidade em língua inglesa, há uma vasta bibliografia em inglês-japonês. Inclusive, gramáticas, que serão muito úteis também.

      Há outros materiais muito bons. Tens de comprar um bom dicionário (ou vários), livro(s) para estudar kanji e abusar de material de leitura em japonês. Um bom começo são livros infantis ou mangá mesmo, pois vem com furigana (leitura do kanji em hiragana ou katakana). Há muitos programas e aplicativos excelentes para computador, celular, tablet etc., que podem te ajudar no aprendizado. Procure os blogs e sites especializados no aprendizado do idioma. Neles há muitas dicas preciosas de como começar a estudar e, principalmente, material disponível para download. Uma dica é: não estudes todos os materiais ao mesmo tempo: ao invés de ajudar, dificulta o avanço. Escolha um deles e, então, comece e termine um nível (ex.: iniciante, intermediário, avançado...) pelo menos, até partir para outro (de autor ou método diferente).

      Sobre Yasunari Kawabata: tenho alguns livros dele em minha lista (infinita) de espera de leitura: "Mil Tsurus", "O Mestre de Go", "A Casa das Belas Adormecidas" e "Kyoto", além do citado por ti em teu comentário. Obrigada pela indicação, provavelmente subirei alguns desses títulos na minha lista e lerei o mais breve possível.

      Espero ter te ajudado. Abraço!

      Nana

      Excluir
    2. Wow! Quanta coisa!
      O "Novo Curso de Japonês" da Neida Kokubo eu não achei para comprar todos os volumes, mas achei para Download na internet e baixei os 6 volumes (Aí imprimo e começo os estudos), já fiquei apavorado só com as primeiras páginas - risos! - Eu olho, leio, releio, tento memorizar e já quero chorar. Devido meus padrinhos serem japoneses e também meu hábito de ver animes desde girino, meu ouvido é bom ao captar os sons e consigo entender muitas palavras assim, mas ler mesmo é uma tragédia! Então vou tentar não me assustar muito. (Já que quero comprar mangás em Japonês para colecionar/ler)

      Vou atrás de um bom dicionário. (Vi vários, desde preços baixos até os mais altos, preciso checar o conteúdo ou ver qual me adapto)

      Assim que eu tiver uma boa base e terminar os 6 livrinhos, eu passo pro "progressivo" (Esse eu achei pra comprar!) e depois pro Minna no Nihongo.

      Vi o Joguinho, e achei o máximo!
      Muito obrigado por tudo. Vou começar a comentar mais por aqui - como blogueiro, sei que qualquer comentário nos anima muito. Principalmente quando vemos que a pessoa leu o conteúdo! -

      Ps: Eu ainda estou babando desde o dia que vi aquela edição de Okami com o globinho, eu amo esse jogo, quase chorei. Mwuahahahaha.

      Outros livros que gosto muito, que foram lançados pela USP anos atrás, mas que são raros: "Contos Modernos Japoneses" e o "Contos da Era Meiji". Eu achei no Estante Virtual com muita sorte, mas gosto bastante de ambos!
      Há um outro, que estou lendo atualmente e que havia disponível 2 quando o comprei, chamado "Contos da Chuva e da Lua" do Ueda Akinari. Esse livro é um pouco mais difícil devido as trocentas notas de rodapé, o que torna a leitura mais truncada, mas mesmo assim é um bom livro!

      Sobre o Kawabata, eu indicaria o "A dançarina de Izu" primeiro, por ser uma novela bem curtinha, ela dá todo o ar da escrita do Kawabata.
      "A casa das Belas adormecidas" me deu sono, a descrição que ele faz te deixa muito extasiado e eu o lia antes de dormir, foi um caos, mas o livro não é ruim.
      "O Mestre de Go" eu só não li ainda, porque meu conhecimento sobre Go é bem ruim, então vou me perder, certeza.
      "Kyoto" é um amor!
      "Mil Tsurus" eu ainda não li, quero ler primeiro "O Som da Montanha".
      Outro que indico é "O País das Neves" < Uma delícia!

      Um livro que li ano passado e que me fez morrer chorando: Um grito de amor no centro do mundo. É um livro mais atual, mas eu cheguei a soluçar nele!

      Ajudou muito, obrigado!
      Abraço!

      Jon

      Excluir
    3. Olá, novamente!

      É normal ficarmos assustados ou perdidos diante daquilo que a gente não entende, mas com o tempo, quando aprenderes os silabários (hiragana e katakana), verás que não é tão assustador assim.

      Quando fores comprar dicionários, procures também um só de kanji. De preferência, um que tenha índice de kanji por quantidade de traço. É bastante útil, principalmente, quando a gente se depara com um kanji escrito em algum lugar e não sabe a leitura dele.

      A edição de Okami é realmente muito linda! É uma das minhas preferidas. Fico grata pelas dicas de ordem de leitura das obras de Kawabata. Eu irei aproveitá-las, com certeza.

      Obrigada pelas visitas e pelos comentários. Volte sempre que quiser!

      Nana

      Excluir
  2. Esqueci de falar, fiz uma pequena "resenha" sobre "O País das Neves" em meu blog: https://ecosdomeuporao.wordpress.com/

    Eu morro de preguiça de postar, por isso meu blog é todo parado. - risos - Criei o blog em 2012 e o coitado não tem quase nada, atualmente só criei um projeto de ler mais José de Alencar nesse ano de 2015 (e mostrar ao público que o coitado não é só Iracema! Ok, nada contra, eu amo Iracema.)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já dei uma passada por lá. Estarei te acompanhando! E obrigada por compartilhar a tua casa (blog)!

      Excluir

コメントをありがとう! Obrigada pelo comentário!